Lavrador Raimundo Nonato Oliveira, o “Bigodudo” propõe discussão sobre agrotóxicos em Elesbão Veloso.

Durante reunião no Sindicato Rural de Elesbão Veloso, no começo desse mês, o lavrador Raimundo Nonato Oliveira, o “Bigodudo”, 55 anos, morador da localidade Barra do Mocambo, propôs a imediata discussão em torno do uso desregrado de agrotóxicos.

Ele se mostrou preocupado com a utilização de herbicida e inseticida pelo homem, destacando que há dois parâmetros- vantagens e riscos, nesse segundo caso pode haver danos a saúde humana, á terra e até a água. “Estamos nos aproximando do período chuvoso, entendo que através de um profissional devemos ter uma orientação de como usar estes produtos, lembrou Nonato, ressaltando que em Elesbão existem trabalhadores expostos ao risco.

“Tem companheiro usado agrotóxico para pulverizar a terra, de bermuda, as vezes calçado apenas com uma sandália. Ao me ver precisa ter mais segurança”, completou Nonato. Nonato encerrou dizendo não ter nada contra que utiliza agrotóxicos, nem tampouco quem comercializa. “Quero apenas que tenhamos uma informação precisa para utilização correta de agrotóxicos”. (Por José Loiola Neto)