Furto ao BB de Elesbão Veloso completa três semanas; serviços estão suspensos e prejudica população e comércio.

Por José Loiola Neto

A invasão seguida de furto ao Banco do Brasil de Elesbão Veloso por uma quadrilha especializada nesse tipo de crime acaba de completar três semanas. Foi durante a madrugada de sábado, dia 4 de fevereiro, quando após danificar a central de comunicação da cidade no Matias, cortando cabos e fios, que comprometeu os sinais de TV´s, bem como telefonia móvel das operadoras TIM e Claro, os bandidos investiram contra o banco, adentrando o local pelos fundos.

Agencia do BB de Elesbão Veloso

Com o alarme desligado, eles tiveram acesso a um cofre, de onde levaram uma boa quantia em dinheiro. Até aqui, nenhum membro da quadrilha foi preso. Por recomendação da superintendência estadual, as atividades interna e externa no BB local estão suspensas, a exceção, são apenas verificação de saldos, extrato e transferências em contas. A população e comércio são maiores prejudicados.

Não há prazo para retomada dos trabalhos. Especulações dão conta que um cofre solicitado pela gerência estaria a caminho, mesmo assim, apenas depois do dia 10 de março os serviços serão normalizados. No próximo mês, o Banco do Brasil de Elesbão Veloso completará 42 anos de fundação.