Paulo França se defende de comentários maldosos e diz que tem alguém se dando bem com paralisação do Banco do Brasil

Paulo França discursa
na tribuna da CMEV.

O vereador Paulo França, afirmou que foi vítima de comentários maldosos feitos contra sua pessoa durante toda a semana que passou, quando da ocasião da vinda da reportagem da TV Clube afiliada a Rede Globo a Elesbão Veloso para tratar a respeito na demora de volta de atendimento na Agencia do Banco do Brasil de Elesbão Veloso.

Segundo Paulo França houve comentários de que ele teria dificultado algo, para que o banco não funcionasse ainda essa semana (passada). Segundo comentários tinha previsão de normalizar o funcionamento do banco, mas não ocorreu.

– Fui informado que por conta de nossa intervenção o Banco não mais iria funcionar essa semana. Informação extra oficial. Porque informação oficial é a do Banco. O Banco do Brasil não me informou até por isso eu tomei a iniciativa de procurar o meio de comunicação, porque é necessário e preciso. – Falou Paulo França

Paulo Afirmou que os meios de comunicação foi e sempre será importante.

– Procurei o meio de comunicação para mostrar o que estava acontecendo no município de Elesbão Veloso. A agencia de Elesbão Veloso sabe o que tá ocorrendo, mas a superintendência não sabe o que se passa por aqui. A imprensa existe pra isso. E fez o seu papel de vir aqui e fazer a cobertura e levou ao conhecimento da superintendência. – falou Paulo

O vereador criticou o Banco do Brasil demorar mais de um mês sem atendimento, visto que só aposentados do INSS são mais de 4 mil. Para Paulo França isso explica mas não justifica.

Para Paulo França se for procedente a informação do BB, que a causa do atraso na volta do atendimento ter sido o chamamento da imprensa. Não tem sentido.

– Eu como vereador deveria ter sido procurado pela instituição e não por terceiros, recebi o chamado do presidente com relação ao banco que iria funcionar. O cofre chegou e o banco continua sem funcionar. Pra mim e pra população só vai tá resolvido o problema quando tiver funcionando. – Afirmou França.

Qual o problema que tem? Qual o mistério que tem, que não pode vir a público dar uma informação? Qual o segredo que tem, que o Banco do brasil não pode emitir uma nota no meio de comunicação? Olha, tá quebrado, foi assaltado só vai funcionar a partir de tal dia!. Qual o problema que tem dar essas informações? Indagou França.

E que crime é que o vereador comente ou alguém comete chamando a imprensa para vir aqui no município de Elesbão Veloso, fazer uma reportagem.? Questionou ele.

Minha intenção foi e sempre será o melhor pra tratar a população de Elesbão Veloso.! Afirmou Paulo.

Paulo França afirmou que quem se expressou no meio de comunicação não foi sua pessoa, e sim a população em geral.

– Quem é ser humano, quem tem coração, ver uma senhora daquela dizendo que tá passando fome, com o dinheiro dela depositado, pelo amor de deus. – Falou Paulo.

– Não atrapalhei de maneira alguma, eu sempre prezo pela publicidade. A imprensa veio e levou ao conhecimento da superintendência, e espero que o mais breve possível seja resolvido. Que segredo é esse que ninguém pode dizer.? Eu só sei, que tem alguém se dando bem com essa história, tem alguém se dando bem com essa história, tem, tem, tem alguém se dando bem com essa história. Com o fechamento desse banco, tem alguém se dando bem com essa história. Isso é o que a gente não pode permitir que aconteça. – Falou França.

O vereador se mostrou insatisfeito com as respostas quando da procura a informações na Agencia local.

– Se esse banco vai fechar que feche rapaz, agora não podemos é deixar de comentar, deixar de se posicionar aqui. Porque o gerente, superintendente ameaça fechar agencia. O Banco é do Brasil, ele é patrimônio da população. Ele não é do gerente nem de superintendente e nem do presidente da republica. E sim é da população, então a população tem esse direito. Precisamos acionar nossos deputados federais e estaduais para garantir isso. – Cobrou Paulo.

O vereador pediu para que todas as prefeituras que tem contas na Agencia local, cobrem solução para o caso com a maior urgência possível.

– Tem um negocio estranho minha gente, pelo amor de deus, não justifica, muito gente calado aí, o povo clamando e vê gente com o braço cruzado. Tem gente se dando bem com essa história, não tem condição, pelo amor de deus. Finalizou Paulo França

O vereador convocou ainda que caso o banco não volte ao funcionar na segunda-feira (13) a casa se junte para acionar o MP e poder judiciário para que se adote uma providência definitiva.