Segurança elesbonense Zé Dimar morre aos 55 anos dois dias após ser vítima de atropelamento em Teresina.

Por: José Loiola Neto, do Elesbão News

Faleceu nas primeiras horas dessa segunda-feira(15/5), no HUT em Teresina, onde estava internado, o segurança JOSÉ EDIMAR DE SOUSA, 55 anos, natural de Elesbão Veloso. Zé Dimar como era conhecido, casado, pai de duas filhas, morreu dois dias depois de ter sido atropelado por uma motocicleta, instante em que em uma bicicleta se dirigia para seu trabalho na capital piauiense. Zé Dimar atuava como segurança em uma das empresas do advogado elesbonense Uanderson Ferreira.

Importa lembrar que Zé Dimar foi vigilante da UESPI aqui em Elesbão Veloso entre os anos 2001 e 2004. Há algum tempo ele vinha morando em Teresina. Familiares foram surpreendidos com a notícia do acidente ocorrido no final da tarde do último sábado. Socorrido e levado ao HUT, foi submetido a cirurgia.

Acidente envolvendo elesbonense em THE

Conforme uma de suas irmãs, ROSIMAR MARIA DE JESUS, Zé Dimar seria submetido a outra cirurgia, apenas se ele reagisse à primeira intervenção, fato não concretizado, já ele veio à óbito por volta das 4h da manhã dessa segunda. “O médico deu prazo de 72 horas para ele reagir à primeira cirurgia, mas infelizmente ele entrou em estado de coma e morreu”, disse Rosimar.

As causas do acidente não foram esclarecidas. Informações obtidas por nossa reportagem(não oficiais) dão conta que o condutor da moto, que não teve a identidade revelada encontra-se internado no HUT. O estado de saúde dele inspira cuidado.

Com relação a Zé Edimar, um dos filhos da senhora Lucinda, moradora do Bairro de Fátima, falecida em 2009, o corpo está sendo velado na residência da sua filha DEILDES FERREIRA, na Rua Dom Pedro II, próxima a Escola Reino Encantado, no Matadouro. O sepultamento deverá ocorrer nas próximas horas, no cemitério Sambaiba.