Caso de leishmaniose visceral humana em Elesbão Veloso; paciente se recupera bem em THE.

Um caso de leishmaniose visceral(calazar) em humano foi diagnosticado em Elesbão Veloso durante o último mês de maio.

O paciente, uma pessoa do sexo masculino, está em tratamento no  Instituto de Doenças Tropicais Natan Portela(antigo HDIC), se recupera bem, devendo ter alta nos próximos dias. Em 2012, uma criança morreu vitimada pela doença em Elesbão Veloso.

A leishmaniose visceral, que também se manifesta em cães é transmitida por meio de picada no mosquito palha, dentre os sintomas: febre, fraqueza, perda de apetite, emagrecimento e quadro de anemia grave. (Por: José Loiola Neto)

Mosquito palha, transmissor da leishmaniose

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *