DESTAQUES DO DIA: leia as notícias mais importantes nos jornais que circulam nesta segunda-feira, 31 de julho 2017

Por: José Loiola Neto, do Elesbão News

>> Governo estima ter votos suficientes para barrar a denúncia de corrupção passiva contra Michel Temer.

>> Em semana decisiva, Palácio do Planalto planeja últimas articulações para barrar denúncia contra o presidente Temer.

>> Após reunião com Michel Temer, base aliada garante presença na sessão para votar a denúncia por corrupção passiva.

>> Polícia Federal identifica falhas nas delações da Odebrecht que podem comprometer as investigações.

>> Presença de tropas federais no Rio de Janeiro pode ser prorrogada até o final do ano que vem.

>> Senador Aécio Neves deve retomar comando do PSDB para coordenar a eleição e transição do próximo presidente do partido.

>> Para quem deixou para última hora: termina hoje, o prazo para sacar dinheiro das contas inativas do FGTS.

>> Em visita rápida ao Rio de Janeiro neste domingo, presidente Michel Temer destacou que índice de criminalidade já diminuiu com a presença das forças armadas.

>> Governo Federal vai devolver R$ 1 bilhão, 100 milhões aos brasileiros, referente a valor cobrado indevidamente nas contas de luz entre 2010 e 2012.

>> ProUni abre hoje inscrições para 77 mil bolsas de estudo em universidades privadas.. Já o Fies divulgará hoje os selecionados para os contratos do Fundo de Financiamento Estudantil e também abrirá inscrição para a lista de espera.

>> Filhos do técnico Claudemir Peixoto do Penapolense-SP morrem em acidente de carro em Tatuí, interior de São Paulo. Vítimas de 10 e 14 anos estavam com a mãe.

>> PM Ambiental apreende uma tonelada de camarão com dois pescadores ilegais em Santos, litoral de São Paulo.

>> Morre o bebê Arthur baleado em junho dentro do útero da mãe no Rio de Janeiro.

>> Apostador do Rio de Janeiro acertou sozinho as seis dezenas do Concurso 1953 da Mega Sena e faturou prêmio superior a R$ 108 milhões.

>> Presidente Michel Temer libera R$ 19 bilhões para emendas de ministros do PSDB em meio às ameaças do partido em deixar o governo.

>> Anistia Internacional faz alerta contra retrocesso aos direitos humanos no Congresso Nacional brasileiro.

>> Perícia preliminar da Polícia Civil aponta causa externa em incêndio no velódromo do Parque Olímpico no Rio de Janeiro.

>> Avenida Paulista tem protestos contra a corrupção na política e a favor da Lava Jato.

>> Número de mortos por atropelamentos sobe 21% na cidade de São Paulo, de acordo com o Infosiga – banco de dados do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito.

>> Piloto é atropelado e morto após queda de moto na Rodovia Anhanguera, região do Jaraguá, na zona Oeste de São Paulo.

>> Brasil, Argentina e ao menos outros cinco países prometem não reconhecer o resultado da eleição para Assembleia Constituinte da Venezuela.

MUNDO
>> Eleição para Assembleia Nacional Constituinte na Venezuela é marcada por protestos e número de mortos pode chegar a 14.

>> Mais de 750 diplomatas dos EUA são expulsos da Rússia em resposta ao pacote de sanções aprovado pelo Senado Norte Americano.

>> Tufão com ventos de mais de 100k/h faz cerca de 80 feridos em Taiwan.

>> Cerca de 8 mil pessoas devem deixar a fronteira entre Síria e Líbano.

>> Após sanções, países árabes aceitam dialogar com o Catar.

ESPORTES
>> Campeonato Brasileiro: em jogo polêmico, o Corinthians empata em 1×1 com o Flamengo em Itaquera, mas mantém a liderança e a diferença de oito pontos para o Grêmio, que em casa também empatou por 1×1 com o Santos, terceiro colocado. Outros resultados do domingo: Chapecoense 1 x 2 Atlético-GO; Coritiba 0 x 2 Atlético-MG; Cruzeiro 0 x 0 Vitória e Bahia 1 x 3 Sport. O jogo Ponte Preta x Fluminense foi adiado para o próximo mês, em razão da morte do filho mais novo do técnico do Flu, Abel Braga. Hoje tem Vasco x Atlético-PR. A 17ª rodada do Brasileirão foi aberta no sábado com Botafogo 3 x 4 São Paulo e Palmeiras 2 x 0 Avai.

>> Sebastian Vettel vence o GP da Hungria de Fórmula 1, realizado neste domingo. Kimmi Haikkonen ficou em segundo e Valtteris Bottas completou o pódio. Brasileiro Felipe Massa não correu após passar mal no sábado.

>> Mesmo com a delegação pequena, Brasil encerra Mundial de Esportes Aquáticos com a segunda melhor do país na história da competição. Na Hungria, os brasileiros ganharam duas medalhas de ouro, 4 de prata e duas de bronze.