DESTAQUES DO DIA: notícias mais importantes nos jornais que circulam nesta quinta-feira, 21 de junho 2018

quinta-feira, 21 de junho de 2018

DESTAQUES DO DIA: notícias mais importantes nos jornais que circulam nesta quinta-feira, 21 de junho 2018

Brasil registrou 4 mil assassinatos em abril
Por José Loiola Neto, do Elesbão News

BRASIL


>> Prévia da inflação oficial acelera e fica em 1,11% em junho, aponta IBGE
O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), que é uma prévia da inflação oficial do país, acelerou de 0,14% em maio para 1,11% em junho, conforme divulgado nesta quinta-feira (21) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).  De acordo com o IBGE, a alta foi puxada pelo aumento nos preços de alimentos, da energia elétrica e dos combustíveis. O instituto já previa que haveria alta no indicador deste mês como resultado da greve dos caminhoneiros, que paralisou o país nos últimos dez dias de maio.

>> PF faz operação para prender 15 pessoas suspeitas de desvio de dinheiro em obras do Rodoanel
A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (21) uma operação para prender 15 pessoas suspeitas de desvio de dinheiro nas obras do trecho norte do Rodoanel Mário Covas. O Ministério Público Federal estima que houve acréscimo de R$ 600 milhões nos gastos com a obra por conta dos sobrepreços. A operação Pedra no Caminho também cumpre 51 mandados de busca e apreensão nas cidades de São Paulo, Carapicuíba, Arujá, Bofete, Ribeirão Preto e São Pedro, no estado de São Paulo, e também em Marataízes e Itapemirim, no estado do Espírito Santo.

>> PF deflagra a 52ª fase da Lava Jato e apura crimes contra subsidiárias da Petrobras; há 2 mandados de prisão
A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã desta quinta-feira (19), a 52ª fase da Operação Lava Jato, batizada de Greenwich. De acordo com a PF, as investigações apuram crimes contra subsidiárias da Petrobras, como a Petrobras Química S/A (Petroquisa), em favor do Grupo Odebrecht. Há dois mandados de prisão: uma temporária e uma preventiva, que é por tempo indeterminado. O alvo de prisão temporária está no Recife (PE), e o de preventiva no Rio de Janeiro (RJ). Eles serão levados para a carceragem da PF, em Curitiba.

>> Mapa mostra quase 4 mil assassinatos em abril no Brasil
Ao menos 3.833 pessoas foram assassinadas no mês de abril deste ano no Brasil. Cinco estados, no entanto, não divulgam o dado, o que compromete a estatística. O índice nacional de homicídios, ferramenta criada pelo G1, permite o acompanhamento dos dados de vítimas de crimes violentos mês a mês no país. Já são 17.420 vítimas registradas nos primeiros quatro meses deste ano. O número consolidado até agora contabiliza todos os homicídios dolosos, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte, que, juntos, compõem os chamados crimes violentos letais e intencionais.

>> Barroso inclui delação de Funaro em inquérito que investiga Michel Temer
O ministro Luís Roberto Barroso do Supremo Tribunal Federal (STF) atendeu pedido da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, e incluiu no inquérito dos portos a delação premiada do doleiro Lúcio Funaro. A decisão do ministro é do dia 19 de junho. A informação foi antecipada pelo jornal "O Globo". Agora, as informações prestadas pelo delator da Lava Jato poderão ser usadas nas investigações em curso, que podem levar a uma terceira denúncia contra Temer.

>> Forças de segurança cercam comunidades do Leme, na Zona Sul do Rio
As forças de segurança do Gabinete de Intervenção na Segurança Pública do Rio de Janeiro realizam, na manhã desta quinta (21), operação em duas comunidades da Zona Sul do Rio. Os militares estão nas favelas da Babilônia e Chapéu Mangueira. Quase dois mil homens participam da operação, sendo 1,8 mil militares das Forças Armadas, 50 policiais militares e duas equipes do Corpo de Bombeiros com cães. A ação também conta com o apoio de equipamento de engenharia para a retirada de barricadas, veículos blindados e aeronaves.

>> Polícia Civil faz operação em três estados e prende suspeitos de fraudar concurso público
Doze pessoas foram presas na manhã desta quinta-feira (21) suspeitas de fraude no concurso da Polícia Militar do Tocantins, realizado em março deste ano. Mandados de prisão, busca e apreensão estão sendo cumpridos no Tocantins, Maranhão e Piauí. A operação é coordenada pela Polícia Civil do Tocantins e foi chamada de Aleteia. "Estamos cumprindo vários mandados de prisão em relação ao concurso da PM, que foi provavelmente fraudado. Nós temos 12 pessoas presas. Estamos fazendo diligências e se tudo correr bem, com a detenção de todos, os suspeitos devem ser apresentados no final da tarde ou nesta sexta-feira", explicou o delegado regional de Araguaína, Bruno Boaventura.

 
MUNDO

>> Detida, avó brasileira que emigrou com neto deficiente aos EUA pode ser separada definitivamente do jovem
Se ela for deportada, jovem com autismo e deficiência neurológica ficará sob cuidado do governo dos EUA pelo menos até os 21 anos. Segundo advogado, dupla não entrou ilegalmente no país e pediu asilo após ser ameaçada por policial no Brasil.

>> Mulheres russas reagem ao vídeo machista gravado por brasileiros na Copa do Mundo
BBC News Brasil foi ouvir em Moscou o que mulheres russas têm a dizer sobre brasileiros que fizeram uma compatriota cantar palavras machistas e racistas sem que ela soubesse.

Fonte: Agências internacionais


PIAUÍ- Resumo Portais Cdade Verde e O Dia

>> Motoristas paralisam 100% dos ônibus e só voltam após pagamento de salários
O Terminal Parque Piauí, na zona Sul de Teresina, estava sem movimentação de ônibus por volta das 9 horas de hoje. Nenhum ônibus estava estacionado no local. Alguns passageiros aguardam a chegada dos veículos para seguirem viagem. Grávida, a vendedora Glória Diniz é uma das que aguarda o transporte coletivo para chegar ao trabalho. “Eu entro às 10 horas e até agora nada de ônibus. Passou uma van, mas estava muito lotada. Geralmente, eu pego um ônibus por volta das 8h30”. Outro que aguarda um ônibus passar é o Juan Carvalho, que entra no serviço às 9h30. “Se esse ônibus não passar não sei como vou fazer para chegar no horário”.

>> Dez cidades do Piauí possuem mais eleitores que habitantes, revela pesquisa
Um estudo realizado pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) mostra que o Piauí possui dez cidades com mais eleitores do que habitantes. Na lista aparecem Nazária, Novo Santo Antônio, Aroeiras do Itaim, Jatobá do Piauí, São Félix do Piauí, Coivaras, Pau D'Arco do Piauí, Sebastião Barros, Bocaina e Miguel Leão. Das cidades piauienses a maior discrepância foi registrada em Nazária, que possui um eleitorado de 10.168 pessoas e população de 8.425 habitantes, totalizando uma diferença de 1.743 pessoas. Em seguida está Novo Santo Antônio com eleitorado de 3.786 pessoas e população de 2.940 habitantes, uma diferença de 846.

>> Um em cada quatro piauienses está com o nome negativado
Um em cada quatro piauienses está com o nome negativado. A informação é do Serasa e significa que há, no estado, 821.752 pessoas endividadas, o que representa 25,5% da população. Em Teresina, o percentual é ainda mais alto: 38,6%. Na prática, quatro em cada 10 teresinenses estão com restrições no nome por não pagar dívidas, o que equivale a 328.588 pessoas. Para os especialistas, o que provoca o alto endividamento é a facilidade de crédito, porque os juros são muito altos. "Hoje, o maior problema na vida das pessoas é o cartão de crédito. Era pra ser um facilitador, mas devido à nossa cultura do consumo, acaba provocando o endividamento", argumenta o economista Fritz Moura.

>> Prefeitura inicia cadastro de carros para atender usuários
A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) iniciou o cadastro de ônibus e vans para atender os usuários dos transportes públicos. O objetivo da ação é oferecer o serviço para evitar problemas durante a paralisação dos motoristas e cobradores de ônibus, que iniciou na manhã de hoje (21). De acordo com Gerente de Planejamento da Strans, Denilson Guerra, o cadastro será feito para tentar minimizar os prejuízos para os usuários de transportes públicos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário