EXCLUSIVO- Cabo Clarindo fala sobre ação de bandidos contra o Banco do Brasil de Elesbão Veloso: "por pouco não consumaram o furto"

segunda-feira, 27 de agosto de 2018

EXCLUSIVO- Cabo Clarindo fala sobre ação de bandidos contra o Banco do Brasil de Elesbão Veloso: "por pouco não consumaram o furto"

Cabo Edmar Clarindo fala sobre ação de bandidos contra o BB de Elesbão Veloso

Por José Loiola Neto

No final da noite deste domingo(26 de agosto), um trio composto por elementos até aqui não identificados pela polícia investiram contra a agência do Banco do Brasil de Elesbão Veloso, sendo que depois de ter acesso ao interior do banco não consumaram o furto de dinheiro graças a intervenção da PM, que na oportunidade representada pelo soldado Vila Nova e o Cabo Clarindo conseguiram abortar a ação. Foi a terceira investida de bandidos contra o banco em menos de três anos, em duas delas, os elementos lograram êxito.

Hoje pela manhã em conversa com nossa reportagem, Clarindo de plantão no GPM local disse que por volta das 22h30 de ontem recebera uma informação oriunda de Valença do Piauí, esta repassada pelo comandante do policiamento na região, o Capitão Antonio Santos, dando conta que haviam pessoas nas dependências do Banco do Brasil.

- Esses elementos estavam com equipamentos tentando praticar o arrombamento do cofre, infelizmente só haviam dois policiais no plantão, eu e o soldado Vila Nova, o déficit do contingente policial em Elesbão já é sabido e de conhecimento de todos, temos um efetivo que não condiz com a demanda da cidade, a partir daí fomos tomar as medidas de precaução, mobilizamos então os GPM´s das cidades próximas, informamos o fato ao delegado Paulo Gregório, chamamos também os vigilantes para passar alguma informação e saber se porventura não teriam visto veículo ou pessoas em modo suspeito nos arredores da cidade.

Clarindo disse que a princípio percorreram os arredores do banco e logo tiveram a informação que de fato haviam elementos dentro da agência, chegando inclusive até a sala onde se encontra o cofre. Após uma volta pela cidade, posicionaram a viatura numa área por trás do banco, próximo ao Giga Byte. Os bandidos chegaram até a agência ao pular o mura, depois perfurando um buraco na parede utilizando uma picareta

- Daí eles adentraram o banco com todas as suas ferramentas. Tem bandidos que utilizam modus operandi de arrombar e explodir a agência e outros assaltantes agem de forma a abrir o cofre com maçarico, esses elementos que agiram ontem não utilizaram explosivos, eles  deixaram para trás algumas ferramentas; acho que a nossa permanência no local fez com que eles vissem a gente e resolveram se evadir.

Os bandidos estavam prestes a consumar a ação e para ter acesso ao cofre faltava muito pouco. O que se sabe de antemão é que ele não conseguiram subtrair nenhuma quantia em dinheiro. Clarindo disse que após o acontecido surgiram diversas informações dando conta dos supostos acusados, contudo o policial disse que àquela altura, até para não atrapalhar as investigações não poderia tecer nenhum comentários nesse sentido.

- Serão precisas novas investigações para saber se realmente as situações e versões apresentadas são verídicas, o delegado ontem mesmo foi comunicado e juntamente com seus agentes deu suporte necessário.

O Cabo Clarindo finalizou dizendo que a polícia não logrou êxito maior nessa empreitada porque não conseguiu pegar os acusados, provavelmente de outra cidade, considerando que se trata de uma ação planejada.

- Sabemos e a população sabe da nossa dificuldade, mas nós estamos sempre empenhados. De Teresina a Picos, só existe duas agências do BB em funcionamento, a de Elesbão Veloso e a de Valença, e isso a gente recebe informe direto para dá atenção, assistência, visto que a qualquer hora essas agências podem sofrer uma tentativa de assalto com a de ontem. É bom que se diga que o fechamento  dessas agências se devem a ação desses elementos e a gente sabe o tamanho do prejuízo que causa ao comércio local, as pessoas que necessitam recorrer a um serviço bancários sabem o tamanho do transtorno. É um prejuízo grande para a cidade.

Um comentário:

  1. Ainda intrigado com essa reportagen. Segundo a mesma ninguém viu os meliantes, inclusive a polícia,entrar ou sair da agência, mas em um determinado trecho se fala em um trio de elementos? Estranho.

    ResponderExcluir