Ticker

6/recent/ticker-posts

Advertisement

Responsive Advertisement

DESFECHO TRISTE: Desaparecido há quase dois meses, elesbonense Luis Borges, o "Chakall" é encontrado morto em São Paulo.

Luís Borges, o Chakall, desaparece da vida terrena aos 23 anos

Por José Loiola Neto

Um fim de vida rumoroso para o jovem elesbonense Luís Borges da Silva Filho, o "Chakall", um dos filhos do casal, Maria dos Santos Bacelar Silva e Luís Borges da Silva, moradores do Capitão Mundoco.

Chakall desapareceu na noite do dia 19 de maio, em Santo Amaro-SP, tomou rumo ignorado, e desde então, a família não teve mais notícias do seu paradeiro. Tamanha era angústia dos familiares, sobretudo a sua mãe.

Nesta manhã de quarta-feira, surgiu a fatídica notícia dando conta que dias atrás o jovem que teria completado 23 anos domingo passado, dia 11/7, fora encontrado sem vida, e foi até sepultado. 

A informação foi confirmada por sua irmão Aline Borges em conversa com o ELESBÃO NEWS. "Infelizmente a notícia que temos é que meu irmão foi encontrado morto e havia sido enterrado, meu irmão, o Arnaldo foi reconhecer o corpo, era ele mesmo, reconheceu através de fotos tiradas pela polícia, infelizmente ele está morto", falou Aline. 

Ela desmentiu a versão de um áudio que circulou em grupos de WhatsApp e dizia que o corpo de Chakall foi encontrado boiando no Rio Tietê em São Paulo. "O corpo foi encontrado em um represa por policiais, não sabemos a data, o que sabemos é que o corpo permaneceu por 10 dias no IML, depois foi sepultado, esse áudio que está passando em grupos não procede", completou. 

Por conta de trâmites burocráticos, a família não sabe se fará o trasladado do corpo para Elesbão Veloso. Chakall deixou Elesbão rumo a São Paulo no começo de Abril, tendo em vista, trabalhar para uma empresa do setor gesseiro. 

Postar um comentário

0 Comentários