Ad Code

Responsive Advertisement

ERRO MÉDICO: Criança de 5 anos fica sem movimentos das pernas e é encaminhada para Picos após receber medicação errada, no Hospital Estadual Norberto Moura, em Elesbão Veloso.

Hospital Estadual Norberto Moura em Elesbão Veloso. 

Por Felipe Costa

A senhora Cleidiane Morais, moradora do bairro Santa Clara, em conversa com nossa reportagem no começo da noite deste sábado(18/6/22) conta que procurou na quinta-feira(16/6) atendimento no Hospital Estadual Norberto Moura  visto que o filho de 5 anos, apresentava febre, vômito e diarréia. 

Ainda conforme Cleidiane, o médico plantonista aplicou um medicamento chamado Haldol. Após receber o medicamento, a criança ficou com características físicas assemelhadas a uma pessoa paraplégica e sem movimentos. 

- Imediatamente o médico transferiu ele para Picos, lá adotaram os procedimentos e exames, e constatou que ele ficou assim por conta do medicamento. Sendo que o medicamento aplicado é para outro tipo de doença. 

Cleidiane, conta que medicação para cortar o efeito do Haldol foi administrada e que a criança apresenta melhora no quadro de saúde, mas ainda não está caminhando, apresentando também inquietude e choro intermitente. 

- Aqui em casa ninguém dorme mais, ninguém come mais. É isso! A gente já comprou tantos remédios para ver se ele melhora e consegue andar e nada. 

Nossa reportagem procurou a direção do hospital para se pronunciar sobre o caso, mas até o fechamento dessa matéria não obtivermos respostas. 

Também colocamos a disposição o espaço ao médico que atendeu a criança para que possa prestar os devidos esclarecimentos. 

Reactions

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu