Cantora Leyde Sousa de Farra do Doidim de Várzea Grande fala ao Painel Popular e analisa carreira vitoriosa: "a música na minha vida é paixão"

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Cantora Leyde Sousa de Farra do Doidim de Várzea Grande fala ao Painel Popular e analisa carreira vitoriosa: "a música na minha vida é paixão"

Cantora Leyde Sousa de Farra do Doidim
Por José Loiola Neto/Elesbão News- Música

Com certa experiência em grupos musicais, a cantora Leyde Sousa se encontra no momento a serviço da Banda Farra do Doidim, de Várzea Grande, cidade que dista apenas 43km de Elesbão Veloso. Natural de Valença do Piauí, Leyde disse em entrevista ao Painel Popular, que já permaneceu por quatro anos na Banda Circuito do Forró de Valença do Piauí, outros três anos em Os Mensageiros de Novo Oriente, quatro anos na Banda Montagem, cinco anos com Felipe e Banda e está prestes a completar dois anos com Farra do Doidim.

- A música na minha vida é paixão. Meu falecido avô era sanfoneiro, foi um dos melhores da região, talvez por ele passei a gostar da música.

Leyde disse que ama o que faz, e para fazer o que gostar não precisou abrir mão de nada na vida, e destacou que mesmo amando a música, não é preciso parar de estudar, por exemplo.

- Você vive a música e pode fazer tudo junto ao mesmo tempo.

No próximo mês de novembro, a Banda Farra do Doidim estará no litoral paulista, pois tem aposentações previstas para o Guarujá, onde já se apresentaram durante o Sábado de Aleluia desse ano.

- O pessoal gostou muito e contratou a gente novamente, vamos estar lá no dia 11 de novembro. Estamos satisfeito com o trabalho, formamos uma família.

INCIDENTE COM MELANCIA

No último mês de julho a cantora Leyde Sousa se envolveu em um incidente que por pouco não lhe abreviou a vida. Inusitadamente, ela ao comer melancia na casa de uma colega em Várzea Grande se engasgou com um pedaço da fruta. e

- Em Várzea Grande eu fico na casa da irmã do nosso tecladista, e ai todos saíram e eu fiquei sozinha, então liguei para minha ex-cunhada para ficar comigo, para que eu não ficasse só, ela foi e passamos a comer melancia em frente da casa, na calçado, no entanto, eu peguei um pedaço coloquei na boca só que o pedaço não desceu e nem descia, ficou entalado na minha garganta.Fiquei fora de mim por alguns segundos, mas ela conseguiu fazer eu voltar a vida, foi um anjo que conseguiu fazer com que eu voltasse e graças a Deus estou aqui narrando esse fato.

Leyde acha que não fosse a ex-cunhada Liamára dificilmente ela estaria viva porque foi muito desagradável. A garganta machucou um pouco, mas se não fosse feito algum procedimento não conseguiria ter o ar de volta.

- Eu não tinha mais ar, já estava roxa, ai ela colocou o dedo na minha garganta, ai conseguiu tirar o pedaço da melancia para que eu voltasse a respirar e graças a Deus ela conseguiu.

Após o incidente Leyde disse que extraiu experiências e tirou lições, uma delas que é preciso dar valor a vida e valorizar as pessoas que estão ao nosso lado.

- Fazer tudo para as pessoas estarem bem, saber perdoar, amar ao próximo, é algo que de ontem pra cá estou praticando mais, tô vivendo mais, abraçando mais e agradecendo a Deus todos os dias.




Nenhum comentário:

Postar um comentário