ANTIPETISTA- Ex-petista, Agnaldo Alves o "Rei do Celular" faz críticas ao modelo de governo do PT: "pior partido na história recente da politica no Brasil".

sábado, 10 de fevereiro de 2018

ANTIPETISTA- Ex-petista, Agnaldo Alves o "Rei do Celular" faz críticas ao modelo de governo do PT: "pior partido na história recente da politica no Brasil".

 
Agnaldo Alves, o Rei do Celular: críticas ao PT

Por José Loiola Neto/Destaques de Elesbão Veloso- Política

Durante participação no Painel Popular/FM Eldorado, no último dia 28 de janeiro, o comerciante Agnaldo da Silva Alves, dono da Loja O Rei do Celular, localizada no Centro da cidade comentou a ocorrência a Churrascaria Rei do Churrasco(de Zé Wilson Paz), dois dias antes, oportunidade em que dois sujeitos armados com facão e revólver anunciaram assalto aos clientes que estavam no estabelecimento levando apenas o celular de uma cliente. Para Agnaldo, a situação desconfortável a que passa não apenas Elesbão Veloso, mas o Piauí e o Brasil de um modo geral pode ser melhorada e passa pelo processo eleitoral que se aproxima.

- Vem ai a eleição e ai você vai ter sua arma para combater os políticos que você acha que não estão fazendo nada. É competência do Estado dar segurança a população, é responsabilidade da população procurar um governante que priorize a segurança. Você precisa analisar: esse governo que está ai tá te dando tranquilidade?, tá te dando segurança?, é você que vai refletir, não vou mandar você votar no A, no B, no C. Eu vou escolher o meu, enquanto a você, fça sua análise. Se eu entender que esse governo a nível de estado não vai me proporcionar segurança para mim e minha família, eu não vou andar tranquilo, é eu que vou decidir se ele continua.

No âmbito local, Agnaldo Alves lembrou com relação a situação complicada vivida pelo Hospital Estadual Norberto Moura, onde nos últimos anos não nascem mais bebês, visto que partos não são mais realizados naquela unidade de saúde.

- As pessoas podem decidir na eleição se querem o hospital de Elesbão Veloso da maneira que se encontra.

Petista nato no passado, sendo ele um militante atuante daqueles que empunhava bandeira, vestia a camisa e ia para as ruas, Agnaldo Alves fez outra análise no segmento político e lembrou que uma gama enorme de pessoas demonstram um senso crítico de insatisfação e indignação para com o juiz Sérgio Moro, o mesmo comportamento não se adota quando se trata da pessoa do ex-presidente Lula.

- As pessoas só sabem dizer que ele(Lula) é honesto, enquanto isso, o Moro de alta competência em termo jurídico, a bancada do TRF-4, eu sou leigo, mas estou acompanhando de perto para aprender e tirar minhas conclusões.

Perguntado o porque de tantas críticas a seu ex-partido, Agnaldo disse que se tornou um antipetista porque à época do seu crescimento de visão e entendimento político, cresceu vendo o PT e toda cúpula petista dizer: xô corrupção!, e não é o que se vê na prática nos dias atuais.

- Eu me sinto enganado porque o PT pregava a maior pureza em tudo, nas contas públicas, na transparência, na administração, no moralismo, era exemplo para tudo. Antigamente para você se filiar no PT não era qualquer pessoa não; pessoas que vinham de outras siglas, dependendo da situação não se filiava ao PT. Não voto mais no PT porque ele pregou que era puro de coração e no meu entendimento fez pior do que os outros. As pessoas chamam o Temer de bandido, mas o PT se juntou ao Temer, ao Collor, ao Renan Calheiros, a Sarney... Não voto mais no PT porque ele pregava honestidade e foi para mim o pior partido na história recente da política no Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário