DESABAFO- Gerry Produções reclama da falta de oportunidade em Elesbão Veloso e justifica o porque de artistas estarem deixando a cidade: "não temos aceitação"

sexta-feira, 1 de junho de 2018

DESABAFO- Gerry Produções reclama da falta de oportunidade em Elesbão Veloso e justifica o porque de artistas estarem deixando a cidade: "não temos aceitação"

 
Gerry Produções

Por José Loiola Neto

Na mais recente conversa que tive com o músico, promoter de eventos e dono da Banda Pegada Pra Moer, ele se mostrou um tanto desapontado diante a falta de oportunidade e valorização das pessoas e empresários elesbonense no que diz respeito ao incentivo aos artistas da terra, talvez por isso, o cantor João Antônio agora João Pegada Estilizada e Vakeira Funk e Amor Bandido, produtos musicais de Elesbão Veloso agora estejam radicados em Teresina, algo que ele não descarta para o seu projeto, caso o cenário não mude.

Ao Eesbão News, Gerry Produções, que como músico teve passagens pelas principais bandas em Elesbão Veloso, incluindo Arco Iris e Ultra Jovem e de outras cidades, além da experiência como radialista por 4 anos na Eldorado FM, disse que para está na mídia é preciso cair na graça do povo e no caso particular de Elesbão Veloso, infelizmente o povo não tem valorizado os artistas da terra. Confira os principais trechos da entrevista.


ÚLTIMAS EMPREITADAS
- Estamos na luta. A gente nunca pode desistir de lutar, estamos correndo sempre atrás dos nossos objetivos para vê se a gente consegue um meio de sobrevivência. Hoje a gente está tentando sobreviver, não é nem ter uma vida melhor. No meio artístico está difícil, está complicado porque hoje a aceitação é só pra quem realmente está bem no mercado, quem não está bem fica ai "patinando"

RAZÕES PARA CRISE NO MEIO ARTÍSTICO
- Primeiro a cultura. A cultura dessa nova geração com relação a música está um pouco defasada porque infelizmente ou felizmente eu não sei, as vezes você não entende porque uma música tão bem feita e bonita não tem aceitação enquanto outras que lançam ai que dispensa comentários cai na graça do povo, então hoje, um dos fatores principais é a cultura das pessoas, principalmente dos jovens que em termos musicais, a cultura está muito fraca.
Gerry Produções se mostra insatisfeito mediante falta de apoio da população
OUTROS MOTIVOS PARA CRISE NO MEIO ARTÍSTICO
 - A falta de apoio e valorização. Infelizmente a nossa cidade de Elesbão Veloso e outras por ai tem aquele coisa de "santo de casa não obra milagres", diante disso, a gente sente uma certa dificuldade nesta cidade com alguns artistas, inclusive posso citar o João Antonio hoje João Pisada Estilizada foi para Teresina se deu bem, agora recente a Vakeira Funk e Amor Bandido, o Marcelo já está sediado em Teresina, quer dizer a gente sente muito a falta desses artistas que deveriam está aqui, mas infelizmente a população elesbonense não dá essa oportunidade nem apoio. A mesma coisa, a Pegada Pra Moer sente essa dificuldade porque você não sente o apoio total por parte da população.

SUCESSO EM OUTRAS PRAÇAS
- Fomos tocar recentemente em Água Branca, a recepção lá foi como se a gente fosse uma banda de Natal, de Fortaleza, de Recife.

FALTA APOIO AOS ARTISTAS LOCAIS
- infelizmente nós artistas elesbonenses não temos esse apoio. Vou citar exemplo e não estou aqui falando de meus parceiros, nós temos em Valença o D´Alcântara, lá o pessoal é uma loucura por D´Alcântara e aqui em Elesbão Veloso então nem se fala, se fosse daqui ele não teria a mesma aceitação. Temos em Francinópolis um grande artista, parceiro e amigo, o Zé Malhada, a aceitação dele em Elesbão Veloso é grande demais. Quer dizer, o pessoal de Elesbão Veloso aceita outras pessoas artistas de fora, mas os daqui eles não aceitam o sucesso. Infelizmente a cultura da nossa cidade é essa de não aceitar o artista elesbonense, então quando o artista sai e por esses motivos.

PROJETO PEGADA PRA MOER
- Estamos ai há mais de dois anos numa trajetória e graças a Deus por onde a gente passou  deixamos nossa marca registrada. Ultimamente estamos com a agenda um pouco resumida justamente por causa da crise porque não está compensando você fazer eventos à toa, tem que ser um evento seguro e pontual para que realmente tenha sucesso e fundamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário