DIREITOS AUTORAIS

header ads

REVISTAS SEMANAIS- Destaques de capa das revistas brasileiras que chegam às bancas e residências dos assinantes neste final de semana. Sábado, 25/04/2020









ISTOÉ Edição  2.624

Capa: Se isso não é crime de responsabilidade, o que é?

Até aonde ele quer ir?

Isolado politicamente e acuado pela crise econômica e sanitária, o presidente Jair Bolsonaro desafia ainda mais os Poderes. Tenta atrair os militares para seu plano autoritário. Promoveu seu ataque mais ousado contra a ordem democrática no último domingo, 19, quando apoiou manifestações pelo País que pediam a intervenção militar e um novo AI-5. “Não queremos negociar nada. Agora é o povo no poder”, discursou em frente ao QG do Exército, em Brasília. A escalada golpista exige resposta das instituições e da sociedade. Há 24 pedidos de impeachment no Congresso, assim como ações no STF para barrá-lo. E MAIS...

>> Entrevista- "Nossas porteiras ficaram abertas para o vírus"
DIMAS COVAS, DIRETOR DO INSTITUTO BUTANTAN
O médico Dimas Covas, diretor do Instituto Butantan, acaba de assumir a coordenação dos testes de coronavírus no estado de São Paulo. É um cargo fundamental nesses tempos de pandemia. Sob seu comando está a plataforma de laboratórios de diagnóstico da doença, montada pelo governo do estado, que terá capacidade para realizar 10 mil exames por dia.

PANDEMIA * 2020
 >> As negociatas com o Centrão
Para retaliar Maia, Bolsonaro oferece cargos a deputados do Centrão. Com isso, o presidente tenta cooptar mais de 200 deputados para montar sua base no Congresso, como sempre foi feito na “velha política”

 >> Contaminados pela miséria
Segundo estudo do Banco Mundial, crise econômica pode fazer a população em situação de pobreza no País chegar a 14,7 milhões de pessoas em 2020, um aumento de quase 30%. Em São Paulo, auxílio de R$ 600 prometido pelo governo federal dá apenas para comprar uma cesta básica, que custa R$ 517,51

>> Em quarentena com o agressor
Antes da pandemia chegar, a violência doméstica e o abuso sexual infantil já eram recorrentes em todo o mundo. Saiba por que o isolamento intensifica esses crimes

>> Tensão no Porto de Santos
Restrições impostas pelas medidas de combate ao novo coronavírus, de quarentenas a mudanças nos protocolos de navegação, podem causar desabastecimento pelo País
----------------------
ISTOÉ DINHEIRO Edição 1.168

Capa- O combate da Ambev

A tática sem moderação da AMBEV

Maior cervejaria da América Latina destina R$ 110 milhões ao plano de combate à pandemia. Além de transformar fábricas de bebida em linhas de produção de álcool gel e de máscaras de proteção, empresa socorre restaurantes e bares que estão fechados — e ajuda a erguer um hospital.
-----------------
VEJA  Edição 2.684

Reportagem de capa: A aposta no remdesivir, antiviral com ótimos resultados contra a Covid-19

Os primeiros estudos internacionais com o remédio, embora inconclusivos, dão sinais fortes rumo a um tratamento eficaz da infecção causada pelo novo coronavírus

>> Enquanto Bolsonaro insiste na divisão, outros governantes crescem em popularidade

>> Fiéis ao mito: as estratégias do presidente para manter sua legião de apoiadores

>> Pandemia eleitoral: a insensibilidade de Brasília ao drama do coronavírus

>> Redes sociais: Sem limites os influencers que saíram completamente do tom na pandemia

>> Saúde: O risco do consumo exagerado de bebidas alcoólicas na quarentena

>> Comportamento: A reinvenção do casamento em tempos de isolamento social
----------------
ÉPOCA Edição 1.138

Capa- A PANDEMIA E A VOLTA DOS ALÔS POR TELEFONE
A circunstância atual está recuperando o antiquado costume das ligações. E MAIS...

>> O QUE O BRASIL PRECISA APRENDER COM OUTROS PAÍSES PARA SUPERAR O CORONAVÍRUS
As lições a se tirar com o que deu certo em nações como Alemanha, Nova Zelândia, Islândia, Portugal e Israel no combate ao patógeno e no plano de retomada. Até agora, estamos na direção errada

>> NORDESTE, O ALVO MAIS VULNERÁVEL DO CORONAVÍRUS NO BRASIL
Quatro em cada dez municípios que têm casos de Covid-19 ficam na região, não têm cobertura adequada de saneamento básico e nem estrutura para o tratamento de doentes

>> CORPO DE MORADORA DE MANAUS FICOU PERDIDO POR TRÊS HORAS EM HOSPITAL COM EXCESSO DE MORTOS POR COVID-19
Em reconhecimento de sua mulher, marido encontrou cadáver de homem dentro de saco plástico que trazia identificação errada da vítima; após equívoco, funcionários fotografam os corpos para apresentar a familiares, antes de procedimento funerário

Postar um comentário

0 Comentários